quarta-feira, 28 de julho de 2010

ANTES DE NOS ENVIAR, DEUS DÁ A CERTEZA DO SUCESSO

Respondeu-lhe Simão: Mestre, havendo trabalhado toda a noite, nada apanhamos, mas sob a tua palavra lançarei as redes. Isto fazendo, apanharam grande quantidade de peixes; e rompiam-se-lhes as redes.   Lucas 5:5,6.


 

Era uma terça feira, março de 1996. Eu estava triste e desmotivado. Havia deixado o labor da agricultura para estudar e me tornar pastor. Quando sai do campo, em 1993, tinha apenas a 3ª série primária. Com muita oração e estudo terminei, pelo supletivo, o ensino fundamental e médio. Em fevereiro de 1996 prestei o vestibular para Teologia, mas não fui aprovado.

        Eu não estava triste por não ter sido aprovado, mas sim por me deparar com algumas barreiras, sendo a pior delas a financeira. Trabalhava como Obreiro Bíblico e ganhava o mínimo, que supria apenas o básico.

         Além dessa situação, minha esposa não estava bem de saúde, havia feito uma cirurgia que, depois de meses, ainda não havia sarado completamente. Ela mal conseguia caminhar, sentia muita dor. Naquela terça feira, a nossa pequena filha precisou ser internada com urgência em virtude de uma pneumonia e minha esposa ficou com ela.

         Ao pôr-do-sol, em casa, agora mais triste ainda, fui visitado por um grupo de irmãs da igreja que oraram comigo. Ao saírem, fui para o quarto, ajoelhei-me, e chorei muito. Falei com Deus como nunca tinha feito antes. Pedi que Deus operasse um milagre. Fiz um pacto com Ele: pedi que, se curasse Minha filha e esposa naquela noite, me dedicaria inteiramente à Sua obra.

         Na manhã seguinte, fiz o culto e fui ao hospital. Quando cheguei, ás 6hs, minha filha já estava liberada. Em virtude de solicitações médicas, precisamos ir a outro hospital que ficava distante e, entre idas e vindas, ao final do dia tínhamos caminhado mais de 10 quilômetros.

         Chegamos em casa ao pôr-do-sol. Minha esposa deitou-se na cama, cansada, e apalpou sua cirurgia, e disse: - meu bem olha aqui, que estranho! Perguntei um pouco assustado: - o que foi? Ela respondeu: - lembra! Eu não conseguia caminhar, hoje caminhei o dia todo! Aperte aqui! Apertei o local e falei: - que foi? Ela disse: - não sinto dor, você não se lembra, eu não podia colocar a mão na cirurgia.

         Naquele momento Deus me fez lembrar da noite anterior e comecei a chorar. Minha esposa não estava entendendo, então contei a ela o que havia acontecido e o pacto que tinha feito.  Naquele mesmo momento oramos agradecendo o milagre, e nos entregamos a Deus.

          As portas se abriram de maneira grandiosa e Deus nos enviou,  me manteve no IAENE. Hoje tenho quase 9 anos no ministério pastoral e Deus continua nos abençoando. Ellen White diz que: "Antes de pedir que os discípulos abandonassem as redes e barcos, Jesus lhes dera a certeza de que Deus lhes supriria as necessidades." DTN, 225.

           Portanto, ao aceitar o chamado não precisamos temer, pois Deus está no controle.  Ele abrirá portas, fará milagres. Pedro lançou as redes, e elas vieram cheias de peixes. Aqui está o segredo, devemos agir mediante o poder da palavra de Deus.

 
 

Pastor Valci Ribeiro Inácio

Associação Amazônia Ocidental – UnoB


 


 

Leia Mais

PRECISA-SE DE UM CRISTÃO



 


 

Quem, Senhor, habitará no Teu tabernáculo? Quem há de morar no Teu santo monte? O que vive com integridade, e pratica a justiça e, de coração, fala a verdade.

Salmos 15:1-2.


 

Há algum tempo, o governo australiano abriu uma vaga de emprego. Até aí tudo bem, mas não era qualquer emprego. Para muitos era o melhor emprego do mundo.

O trabalho era para ser zelador da ilha Hamilton, que contém o maior recife de corais do planeta. O governo da Austrália estava oferecendo um salário equivalente a R$ 40 mil reais, com direito a uma casa de frente para o mar, na ilha. O candidato não precisava ter experiência, nem formação acadêmica, bastava saber nadar, mergulhar e ter espírito aventureiro.

O zelador da ilha paradisíaca teria que coletar correspondências, passear pelas areias brancas, alimentar os peixes e as tartarugas marinhas e observar o maravilhoso mergulho das baleias.

Quem não gostaria de ter um emprego como esse? Surgiram 35 mil candidatos de 200 países diferentes para disputar a única vaga do tão cobiçado emprego.

Ao ver anúncios como esses, descobrimos que a cada dia que passa o nosso mundo se torna mais competitivo. Por ser competitivo se torna mais exigente. Alguém disse uma vez: Os passos para o sucesso são apenas três. Primeiro: decida o que você quer. Segundo: verifique o preço. Terceiro: pague o preço.

Agora pense na seguinte questão: Se fosse colocada uma placa no portão da igreja com o anúncio: "Precisa-se de um Cristão?"

O candidato escolhido irá habitar nas mansões do Reino de Deus, cujos compartimentos não foram preparados por mãos humanas, num lugar paradisíaco, onde não haverá morte, nem luto, nem pranto, nem dor. Quais deveriam ser suas qualificações?

O texto de hoje sugere algumas características necessárias àqueles que almejam habitar no santo monte de Deus: Viver com integridade, praticar a justiça e, de coração, dizer a verdade.

            Peça hoje a Deus que lhe dê a oportunidade de ser íntegro, justo e verdadeiro em todos os seus compromissos e tenha um dia cheio de bênçãos.


 


 

Pastor  Elias Tamari Ferreira da Silva

Missão Sul do Maranhão  - UNB


 


 


Leia Mais

sexta-feira, 9 de julho de 2010



NINHO DE ÁGUIAS


9 de julho - Sexta


Qual a ave que vagueia longe do seu ninho, tal é o homem que anda vagueando longe da sua morada. Prov. 27:8


Arequipa é uma cidade situada ao Sul do Perú. Quando chega nela você se depara com um imenso vulcão de 5825 metros, chamado de “Misti”.

Todo bom arequipenho que se presa tem que subir o vulcão pelo menos uma vez na vida, assim um grupo de mais de 30 jovens da igreja nos dispusemos, num final de semana, subir e conquistar o vulcão Misti.


Nosso destino no primeiro dia seria chegar ao lugar “Nido de Aguilas” (Ninho de Águias) onde passaríamos a noite, e bem de manha continuaríamos até a cratera. “Nido de Aguilas”, não tinha nenhuma águia e muito menos um ninho, era um lugar propício para acampar e passar a noite e se proteger do frio a uma altura de 4800 m. Aquele era nosso destino naquela noite, nossa fortaleza, nossa proteção contra o frio, nosso porto seguro na montanha.


Nós também fomos chamados a escalar a montanha desta vida e temos um destino, um “nido de aguilas” preparado para nós, um ninho onde descansaremos nos braços do Pai. Mas esta caminhada não será fácil.


Deixando a cidade iluminada, iniciamos a escalada do “Misti”. As horas foram passando, o frio aumentando, e as forças esgotando. Eram as 10 h. da noite e não víamos nenhuma luz que nos indicasse que estávamos perto do nosso destino e o frio gelava nosso corpo a mais de 4000 m. Pedindo-nos para parar e descansar.


Na nossa caminhada para o nosso “ninho de águias” no lar celestial, o cansaço, o frio espiritual deste mundo, a escuridão da vida, e pessoas tentarão nos fazer desistir, não pare, continue.


No meio da noite iluminados apenas por lanternas, procuramos um lugar onde podíamos passar a noite e ali descansamos com os pensamentos: onde estaria esse “Nido de Aguilas”? Quanto faltaria? O novo dia traria a resposta.


Bem de manhã, acordei olhando para a cidade que para trás ficara. Imediatamente, agora apoiados pela luz de um novo dia, me virei. Agora sim saberia onde ficava esse Nido de Aguilas. Quão grande foi a minha surpresa e desapontamento ao descobrir que passamos a noite a menos de 100 metros do nosso destino, do nosso porto seguro. Tão perto e tão longe, tão perto do nosso destino, mas ao mesmo tempo longe e fora dele.


Estamos perto do nosso lar, não desista, não pare, Jesus esta nos esperando no “Nido de Aguilas” que ele preparou para nós.


Pastor Willy Castro


Associação Amazônia Ocidental – UnoB


Leia Mais

quinta-feira, 1 de julho de 2010

COMENTARIO DA LIÇÃO EM AUDIO DO PR. ALEJANDRO BULLON

COMENTARIO DA LIÇÃO DO TERCEIRO TRIMESTRE

0. Introduccion General al trimestre (10.15 Mb)
1. Leccion 1 - Pablo y Roma (18.5 Mb)
2. Leccion 2 - Judios y gentiles (18.6 Mb)
3. Leccion 3 - Todos hemos pecado (13.5 Mb)
4. Leccion 4 - Justificados por la fe (16.1 Mb)
5. Leccion 5 - La justificacion y la ley (17.1 Mb)
6. Leccion 6 - Ampliacion de la fe (15 Mb)
7. Leccion 7 - Victoria sobre el pecado (16.1 Mb)
8. Leccion 8 - El hombre de Romanos 7 (17.4 Mb)
9. Leccion 9 - Libertad en Cristo (21.4 Mb)
10. Leccion 10 - Redencion para judios y gentiles (17.3 Mb)
11. Leccion 11 - La eleccion de gracia (14.7 Mb)
12. Leccion 12 - El amor y la ley (18.6 Mb)
13. Leccion 13 - Todo el resto es comentario (16.2 Mb)

Leia Mais

AMIGOS...

A UNICA ESPERANÇA

  ©Template by Dicas Blogger